Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

segunda-feira, 23 de abril de 2018

Gato anda por 20 Km só para retornar à família que o rejeitou

Toby provavelmente achou que seria bem recebido pelos donos, mas não foi isso que aconteceu

O abandono de animais é um problema cotidiano em vários locais do mundo. Os donos adquirem o pet e só depois percebem que não conseguem cuidar dele, então o largam a própria sorte. Normalmente o bichinho é obrigado a se virar sozinho e encontrar um lugar para viver na rua, mas não foi o que aconteceu com o gato Toby.
Após ser rejeitado pelos donos, foi abandonado bem longe de sua casa. Ele não desistiu e caminhou por 20 km só para retornar para sua família. Invés de serem tocados pela persistência de Toby, os tutores o renegaram novamente. Então, o gato foi levado para um abrigo com o intuito de ser sacrificado.
Gato é abandonado pela família e anda por 20 km só para encontrá-los
Reprodução Facebook
Gato é abandonado pela família e anda por 20 km só para encontrá-los
Felizmente, o local não aceitou. Em vez disso ligaram para a SPCA do condado de Wake, na Carolina do Norte e perguntaram se Toby poderia ser levado para lá. O abrigo aceitou e iniciou o atendimento médico necessário. O bichano foi diagnosticado com o vírus da imunodeficiência felina e teve uma infecção respiratória. As doenças foram tratadas e em alguns meses ele já estava melhor.
A história de Toby ganhou força após ser publicada das redes sociais da SPCA. Muitas pessoas se sensibilizaram com a situação e queriam adotá-lo, mas Michele Puckett foi mais rápida. Ela largou o trabalho e correu para o abrigo.
Toby foi oficialmente adotado na última sexta-feira, e não demorou muito para se estabelecer. “Ele é tão doce, carinhoso e amoroso”, disse Puckett ao site americano The Dodo. A família tem outros dois gatos, que se tornaram grandes amigos do novo membro da casa.
“É realmente difícil entender como alguém poderia ter deixado o gato para morrer como aconteceu”, lamenta a dona. “É chocante, mas nos sentimos muito gratos por ele ter sido salvo por nós”.
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Publicidade

Publicidade