Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

sábado, 7 de abril de 2018

Lula deixa Sindicato dos Metalúrgicos a pé e se entrega à PF; siga ao vivo

Ex-presidente teve prisão decretada por Moro na última quinta, mas não se entregou à PF; ele deve ser preso ainda hoje e o Portal Folha do RN traz os detalhes ao vivo

Sob ordem de prisão do juiz Sérgio Moro, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deve se entregar à Polícia Federal ainda neste sábado (7). Sua prisão foi decretada na última quinta-feira, mas, desde então, o petista encontra-se no Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, na Grande São Paulo. 

Após o discurso, Lula foi carregado nos ombros em meio à multidão do carro de som, onde discursou, até o prédio do Sindicato dos Metalúrgicos.
Ricardo Stuckert
Após o discurso, Lula foi carregado nos ombros em meio à multidão do carro de som, onde discursou, até o prédio do Sindicato dos Metalúrgicos.

Neste sábado, uma missa com shows foi organizada pela militância do PT no próprio sindicato. A celebração religiosa ocorre em homenagem à ex-primeira-dama Marisa Letícia, que faleceu no ano passado e faria aniversário hoje. Lula deve se entregar à polícia após a missa, para seguir a ordem de prisão.   

Confira todos os detalhes ao vivo:

18h39 - Lula deixa o sindicato a pé

18h31 - "Não tem arrego"

"Não tem arrego", gritam os militantes que se recusam a deixar Lula sair do sindicato. Líderes do partido e outros interlocutores do ex-presidente buscam convencer os militantes a deixarem Lula se entregar à PF.

18h - Ex-presidente será responsabilizado se não sair do sindicato

Gleisi Hoffman pede aos militantes apoiadores do ex-presidente que deixem Lula se entregar à PF, avisando que as consequências para o ex-presidente podem ser piores, caso ele não consiga sair do prédio do sindicato. A polícia deu meia hora para que Lula deixe o sindicato, ou será responsabilizado.

17h53 - Gleisi Hoffman sobe no carro de som

Presidente nacional do PT, Gleisi Hoffman, sobe no palco improvisado na frente do sindicato para falar com militantes petistas.

17h05 - Lula abandona carro que não conseguiu sair do sindicato


Lula não consegue deixar o Sindicato dos Metalúrgicos por resistência dos militantes do PT
Reprodução/Globo News
Lula não consegue deixar o Sindicato dos Metalúrgicos por resistência dos militantes do PT

Após resistência de militantes, Lula abandona carro que tentou sair do sindicato.

17h - Lula tenta sair do sindicato

Lula e seu advogado Cristiano Zanin estão dentro de um carro que tenta sair do sindicato do ABC. Militantes cercam o carro e tentam evitar a saída do presidente.

16h47 - Comboio da PF

Um comboio de carros da Polícia Federal está a caminho do Sindicato dos Metalúrgicos. As informações são da  GloboNews,  embora os veículos não tenham identificação da PF.

16h32 - 'Não deixar prender'

Temendo a prisão do petista, militantes se sentaram no chão em frente a uma das saídas do sindicato e entoaram cantos que diziam "cercar e não deixar prender".

16h08 - Lula deve sair às 16h30

O ex-presidente Lula deve deixar o Sindicato dos Metalúrgicos do ABC e se entregar para a PF às 16h30 deste sábado, dizem fontes da militância.

15h59 - Dilma está em Porto Alegre


Dilma já estaria Porto Alegre, após voo vindo de São Paulo; foto já viralizou nas redes sociais
Reprodução/O Antagonista
Dilma já estaria Porto Alegre, após voo vindo de São Paulo; foto já viralizou nas redes sociais

A ex-presidente Dilma Rousseff saiu do sindicato pouco depois do discurso de Lula, pegou um voo para Porto Alegre e já pousou na capital gaúcha. Uma foto dela dentro do avião já está circulando nas redes sociais. 

15h33 - Apoiadores de Lula vão deixando o sindicato

Alguns apoiadores do ex-presidente já deixaram o prédio do sindicato. O petista e ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, foi uma das autoridades vistas deixando o sindicato.

15h08 - Carros são vistos saindo na sede do sindicato

Não se sabe ao certo quem estão dentros dos carros que deixaram o sindicato nesta tarde. Os carros são particulares.

14h30 - Almoço com a família

O petista deve almoçar com a família antes de se entregar à PF. Isso é o que informa a assessoria do ex-presidente. Não se sabe ao certo o horário em que ele se entregará.

13h10 - Ex-presidente volta ao prédio do sindicato 


Lula chegou a ficar completamente cercado pelos militantes depois que desceu do carro de som.
Francisco Proner Ramos
Lula chegou a ficar completamente cercado pelos militantes depois que desceu do carro de som.

Após terminar o seu pronunciamento, o ex-presidente retornou ao prédio do Sindicato dos Metalúrgicos, onde tem estado desde a última quarta-feira (4). Na ocasião, ele foi exaltado e abraçado por diversos manifestantes.

12:54 - Lula encerra pronunciamento

Ex-presidente encerra discurso dizendo que vai provar sua inocência.  Veja os principais pontos do discurso de Lula.

12:53 - Volta por cima

"Eu sairei dessa maior, mais forte, mais verdadeiro e inocente, porque eu quero cobrar que eles é que cometeram um crime, um crime político de perseguir um homem que tem 50 anos de história política", afirma.

12:49 - Universidades

Ter sido o único presidente sem um diploma é motivo de orgulho, diz Lula: "Mas sou o presidente que mais fez universidade na história desse país."

12:48 - Asilo

De acordo com Lula, muitas pessoas sugeriram que ele buscasse asilo no Uruguai ou em embaixadas de países, mas ele recusou: "Eu não esotu escondido. Eu vou lá na barba deles, para eles saberem que eu não tenho medo, que não vou correr e para saberem que eu vou provar a minha inocência"

12:46 - Coração de milhões


Lula fez discurso inflamado cercado de outras lideranças do partido como Gleise Hoffmann e Dilma Rousseff.
Reprodução/Twitter
Lula fez discurso inflamado cercado de outras lideranças do partido como Gleise Hoffmann e Dilma Rousseff.

"Não adianta tentar parar o meu sonho, porque quando eu parar de sonhar eu sonharei pela cabeça de vocês", disse. "O meu coração baterá pelo coração de vocês, e são milhões de corações. Eu não pararei porque eu não sou mais um ser humano, eu sou uma ideia, uma ideia misturada com a ideia de vocês", continuou. 

12:44 - Mandado será atendido

Ex-presidente confirma que vai cumprir mandado de prisão: "Vou atender porque eu quero fazer a transferência de responsabilidade. Eles acham que tudo o que acontece nesse país acontece por minha causa"

12:42 - "Orgasmos múltiplos"

Lula voltou a falar sobre a imprensa e citou veículos que têm uma foto sua na cadeia como sonho de consumo. Ex-presidente disse que os imagina "tendo orgamos múltiplos" com isso.

12:39 - Meninos no MP

Lula criticou "meninos" que trabalham no Ministério Público "porque o pai pode pagar". Disse que essas pessoas precisam conhecer mais sobre a vida do brasileiro.

12:37 - Lava Jato

"Não pensem que eu sou contra a Lava Jato. Se pegar bandido, tem que pegar bandido mesmo que roubou e prender. Todos nós queremos isso", apontou.

12:36 - Morte de Marisa Letícia

"Eu talvez viva o momento de maior indignação que um ser humano vive. Não é fácil o que sofre a minha família, os meus filhos, o que sofreu a Marisa", afirmou. "A antecipação da morte da Marisa foi a safadeza e a sacanagem que o Ministério Público fez contra ela", continuou.

12:31 - Sonhos e conquistas

Lula começou a falar sobre sonhos que teve para o Braisl. "Eu há muito tempo atrás sonhei que era possível governar esse país envolvendo milhões de pessoas pobres na economia, nas universidades, criando milhões de empregos", disse. "E se for por esse crime, de colocar pobre na universidade, negro na universidade, pobre comprar carro, pobre andar de avião, se esse é o crime que eu cometi, eu vou continuar sendo criminoso nesse país, porque eu vou fazer muito mais", completou.

12:30 - Desafio a Moro


Lula fez um discurso em cima de um caminhão de som por quase uma hora
Cristiane Mattos/O Tempo
Lula fez um discurso em cima de um caminhão de som por quase uma hora

"Eu não tenho medo deles. Eu até já falei que gostaria de fazer um debate com o Moro sobre a denúncia que ele fez contra mim. Eu gostaria que ele me mostrasse alguma coisa de prova", disse o ex-presidente.

12:29 - Imprensa

Ao criticar ataques sofridos pela imprensa, Lula diz: "Quanto mais eles me atacam, mais cresce a minha relação com o povo brasileiro".

12:25 - Lula fala sobre apartamento no Guarujá

Lula diz ser "o único ser humano" processado por um apartamento que não é dele. Ele afirma que pensou que Moro fosse resolver a situação, mas que, ao invés disso, foi mais um a mentir que o tríplex lhe pertencia. 

12:22 - Apoiador passa mal e Lula convoca médico

Um dos manifestantes teve um mal-estar e Lula, do palco, incentivou que algum médico fosse fazer o atendimento. 

12:12 - Importância do Sindicato na democracia

Segundo Lula, conquistas Sindicato dos Metalúrgicos foram importantes para o crescimento da democracia brasileira. Ex-presidente diz que, por lá, aprendeu sociologia, economia, química, física e a fazer muita política.

12:10 - Apoiadores vibram com Suplicy

Lula chama Eduardo Suplicy de "futuro Senador" e apoiadores vibram quando ele aparece ao lado do ex-presidente.

12:05 - Cumprimentos continuam

Ex-presidente segue falando sobre outros políticos, como Dilma Rousseff, Ivan Valente e Fernando Haddad. Sobre Dilma, Lula diz que foi a pessoa que lhe deu tranquilidade para fazer quase tudo que conseguiu durante seus mandatos.

12:02 - Lula fala sobre Boulos e Manuela D'Ávilla 

Ao dar início de fato ao pronunciamento, Lula elogiou os pré-candidatos à Presidência Guilherme Boulos (PSOL) e Manuela D'Ávilla (PCdoB).

12:00 - Lula começa pronunciamento

Lula pega o microfone para começar a discursar pedindo para aumentar o som do microfone.

11:52 - Missa é encerrada

Final do ato religioso é encerrado. Manifestantes aguardam pronunciamento de Lula, mas artistas tocam outra música antes.

11:48 - Padre fala diretamente Lula

Padre chama Lula para lhe dar um conselho. Religioso diz para que ele cuide da saúde, que deseja que ele esteja em liberdade e que Brasil sofreu golpe com impeachment de Dilma. Após o término da fala, apoiadores voltama  cantar músicas para o ex-presidente.

11:41 - Apoiadores pedem para que Lula resista

Grupo de manifestantes entoou coro de "resiste" para o ex-presidente do Brasil.

11:35 - Artistas tocam Zeca Pagodinho

Artistas convidados a participar da cerimônia tocam música de Zeca Pagodinho e depois anunciam que Lula foi responsável por escolher todas as faixas executadas. "É o Lulapalooza", brincou um deles.

11:28 - Manifestantes pedem para que Lula não se entregue

Padre é obrigado a parar missa após apoiadores começaram gritos de "não se entrega". Cerimônia é retomada após pedido de silêncio.

11:21 - Dilma começa a falar

Ex-presidente Dilma Roussef pega o microfone para prestar homenagens. 

11:19 - Apoiadores voltam a cantar

Apoiadores que estão presentes no evento se unem ao coro de "Lula, eu te amo". Após Dilma Rousseff ser citada por padre, manifestantes mudam para "Dilma, guerreira da pátria brasileira"

11:13 - Fachin jusifica decisão

Segundo Edson Fachin, a justificativa para ter negado o recurso é que o "cumprimento da pena em tais circunstâncias constitui regra geral". Além disso, Fachin diz que o fato de ainda haver embargos de declaração a serem apresentados não impede mandado de prisão.

11:06 - Fachin nega novo recurso

Ministro Edson Fachin, do Supremo Tribunal Federal (STF), negou recurso que pedia liberdade do ex-presidente. Este foi o último recurso apresentado pela defesa, portanto, ordem de prisão de Sergio Moro fica mantida.

11:05 - Padre fala sobre Lula


Lula durante missa na frente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Paulo
Paulo Pinto/Fotos Públicas
Lula durante missa na frente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Paulo

Após música em homenagem à Marisa, padre pega o microfone para falar sobre conquistas e Lula.

10:50 - Gilberto Carvalho discursa

Ex-ministro Gilberto Carvalho pega o microfone para falar sobre a vida da homenageada Marisa Letícia. Lula permanece ao lado dele.

10:45 -  Dom Angélico Sândalo Bernardino tenta iniciar missa

Dom Angélico Sândalo Bernardino, convidado a celebrar missa da ex-primeira dama, pede silêncio aos apoiadores para dar início à missa. Ele pediu desculpas pelo atraso por problemas técnicos, pois a missa estava marcada para 9:30.

10:40 - Lula deixa prédio


Neste sábado (7), Luiz Inácio Lula da Silva se pronunciou pela primeira vez depois de ter tido sua prisão decretada
Ricardo Stuckert/Instituto Lula - 22.3.18
Neste sábado (7), Luiz Inácio Lula da Silva se pronunciou pela primeira vez depois de ter tido sua prisão decretada

Lula deixa o prédio do Sindicato onde estava desde a última quinta-feira (5). Manifestantes vibram ao ver ex-presidente em cima do carro de som e aguardam pronunciamento enquanto cantam músicas de apoio. Lula acena para o público.

9:45 - Repórter é expulso do Sindicato

Um dos repórteres que faziam a cobertura na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo, foi expulso do local. Guilherme Boulos, líder do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), tentou apartar a briga.

Mais detalhes a qualquer momento.....

Publicidade
churrascaria rio branco.png
unnamed.gif
alisson cell
raquel-lopes
2448
logo nova
27972206_1608989755847847_5299329416514409997_n
banne_top_palacio3
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Publicidade

Publicidade